Indústria 4.0: conceitos, impactos e desafios

A Indústria 4.0 é a transformação digital do chão de fábrica para trazer mais eficiência e mitigar gargalos produtivos. Saiba mais!

O que é Indústria 4.0

O surgimento do que se convencionou chamar Indústria 4.0 vem transformando a produção industrial com novos processos, produtos e modelos de negócios impensáveis há alguns poucos anos. Esse fenômeno, assim batizado em referência à 4ª Revolução Industrial, promete tornar os modelos convencionais de produção gradualmente ineficientes.

A Indústria 4.0 tem como uma das principais características a incorporação da digitalização à atividade industrial, integrando componentes físicos e virtuais. É a integração de diferentes tecnologias habilitadora, citadas na figura abaixo, na produção industrial que configura essa revolução.

 

Tecnologias Habilitadoras da Indústria 4.0

Fonte: CNI, 2020

Por exemplo, a incorporação da Robótica Avançada, dos Sistemas de Conexão Máquina-Máquina, da Internet das Coisas e dos Sensores e Atuadores utilizados nesses equipamentos possibilita que máquinas “conversem” ao longo das operações industriais. Isso pode permitir a geração de informações e a conexão das diversas etapas da cadeia de valor, do desenvolvimento de novos produtos, projetos, produção, até o pós-venda.

As combinações entre essas tecnologias são diversas e vão variar de empresa para empresa conforme as tecnologias adotadas, o grau de integração e as estratégias empresariais. Esse processo, para a maioria das empresas, será gradual e customizado, dependendo dos investimentos realizados e da capacitação tecnológica e produtiva já existente.

Essa transição pode incluir a integração das tecnologias em máquinas e equipamentos em uso, por exemplo, com a implementação de sensores e softwares até a compra de novos bens de produção, como o caso da manufatura aditiva e da robótica avançada.

Impactos Esperados

Essa nova revolução industrial gerará impactos significativos na produção, como aumento da eficiência no uso de recursos, capacidade de as empresas se integrarem e flexibilidade das linhas de produção.

Ademais, implicará transformações na gestão empresarial, principalmente em dois aspectos. O primeiro está relacionado à estratégia para implementar tecnologias, como a cooperação entre as áreas de tecnologia de informação (TI) e as de produção. O segundo está associado aos resultados da adoção dessas tecnologias, que exigem que as empresas desenvolvam e/ou aperfeiçoem os seus modelos de negócio, principalmente no relacionamento com fornecedores e clientes.

 

Impactos esperados na produção industrial

Fonte: CNI, 2017

Dificuldades e Financiamento para adoção de projetos 4.0

Na pesquisa realizada pela CNI (2020), a falta de informação sobre as tecnologias apareceu como um grande limitante para a adoção dessas tecnologias. Isso foi observado nos diferentes níveis dentro de uma organização empresarial, sejam eles executivo, gerencial ou operacional. Outra dificuldade enfrentada pelas empresas industriais para implementar um projeto da Indústria 4.0 é a existência de várias possibilidades de investimento com as quais a empresa se defronta diante de um orçamento para investimento que, mais do que nunca, se encontra bastante limitado.

Ou seja, a insuficiência de informação sobre as tecnologias habilitadoras da Indústria 4.0 e a de recursos financeiros foram apontadas como as principais dificuldades enfrentadas pela indústria no Brasil para a adoção dessas tecnologias.

Dadas essas dificuldades do meio empresarial com relação a Indústria 4.0, a CNI cooperou para a construção de duas linhas de financiamentos. Essas linhas foram desenhadas para auxiliar, principalmente as micro e pequenas empresas, no planejamento e implementação dos projetos mais adequados para a necessidade de cada empresa.

FINEP Inovacred 4.0 

Tem como objetivo apoiar a formulação e implementação de soluções de digitalização que abarquem a utilização, em linhas de produção, de serviços de implantação de tecnologias habilitadoras da Indústria 4.0.

Nessa linha são credenciadas um conjunto de empresas que fornecem projetos 4.0 (empresas integradoras) e os serviços que cada uma pode oferecer. Essas empresas vão ajudar a adequar as tecnologias da indústria 4.0 na sua empresa de acordo com sua necessidade.   

Condições de apoio:

até R$ 16 milhões – Taxa: TJLP

de R$16 a R$300 milhões – Taxa: TJLP + 1%

Prazo: Até 96 meses

Carência: Até 24 meses

Para mais informações, clique aqui.

BNDES Serviços 4.0 

Financiamento para contratação de serviços tecnológicos, credenciados pelo BNDES, associados à otimização da produção, à viabilização de projetos de manufatura avançada e à implantação de soluções de cidades inteligentes e outros similares.

Nessa linha as empresas podem credenciar serviços em diversas categorias, algumas relacionadas a fases anteriores da Indústria 4.0, como Manufatura enxuta, e outras relacionadas as tecnologias habilitadoras da indústria 4.0, como Internet das Coisas e Manufatura Avançada. Assim, a linha oferece uma gama completa de serviços para indústria iniciar a trajetória 4.0.

Condições de apoio:

Taxa: TLP + 1,05% + spread AF

Prazo: até 120 meses

Carência: 3 a 24 meses

Para mais informações, clique aqui.  

Para acesso ao E-book BNDES Serviços 4.0, clique aqui.

Publicações da CNI

OPORTUNIDADES PARA A INDÚSTRIA 4.0: Aspectos da Demanda e Oferta no Brasil (2017)

Indústria 4.0 e Digitalização da Economia (2018)

A DIFUSÃO DAS TECNOLOGIAS DA INDÚSTRIA 4.0 EM EMPRESAS BRASILEIRAS (2020)

 

 

Nina do NAC

Ver todos os posts

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Com o crédito certo, você consegue mais.

Cada linha de crédito disponibilizada no mercado existe para atender uma finalidade específica. Ao ter claro o perfil e a transformação que você quer ver no seu negócio, as chances de sua empresa conseguir o crédito desejado, sob as menores taxas possíveis, aumentam.